Conselho diretor

Andrée de Ridder Vieira

Fundadora e Presidente do Instituto Supereco

Franco-brasileira, mãe abençoada e aprendiz de um casal de filhos. Juntos aprendem sobre amar sem fronteiras, gratidão e muita fé na vida. Aventureira por natureza influenciada pelo avô, os filhos e um cão caiçara, o mar, a educação, conhecer novos lugares, as comunidades e seus saberes, o abraço dos muriquis são sua inspiração. Bióloga (PUC-PR), educadora socioambiental como missão, especialista em gestão ambiental (FSP-USP), mestranda em Ciências da Comunicação (UFP, Porto, PO). Empreendedora social e consultora em educação, comunicação e sustentabilidade há mais de 25 anos, autora de várias publicações especializadas. Coordenadora Geral do Projeto Tecendo as Águas, é uma grande mobilizadora e articuladora de sonhos, gente, redes e parcerias.

Armando Fantini

Tesoureiro

Apaixonado pela natureza. Formado em engenharia, administração e publicidade. Cursou atendimento e qualidade total na Disney dos Estados Unidos. Escritor, palestrante, consultor em acessibilidade. Título de Cidadão do Guarujá. Fundador e mantenedor Colégio Sapiens (1ª. escola ISO 9000 do Brasil). Detentor de patentes de produtos sustentáveis (ducha ecológica praia, ducha cadeirantes) e acessíveis (cadeira de rodas anfíbia, passarela, caiaque e plataforma acessível). Detentor da marca Refresh Brazil. Parceiro operacional de acessibilidade e tesoureiro do Instituto Supereco.
 

 

Luciana Lopes

Vice-presidente

Geógrafa, mãe, viajante e Lixóloga. Mestre em Geografia Humana pela Universidade de São Paulo. Atua há 18 anos em processos que transformem a lógica de produção, consumo e descarte dos resíduos sólidos, sempre com a inclusão socioambiental dos catadores de materiais recicláveis, tendo implantado sistemas de coleta seletiva em 15 municípios brasileiros. É “cria” do Instituto Supereco, onde começou em 1999 ainda como estagiária, e atualmente é vice presidente da instituição.

 

 

Moema Libera Viezzer

Secretária Executiva

Brasileira, gaúcha de nascimento e paranaense por adoção. Casada com o canadense Marcelo Grondin, mãe de duas filhas, avó de duas netas e um neto: um entorno familiar cotidianamente repleto de aprendizagens para sua vida . É apaixonada por música e por gente, ama encontrar pessoas e articular grupos que buscam avançar no processo civilizatório da humanidade. Educadora popular com ênfase em relações de gênero e meio ambiente, é escritora reconhecida por seus livros, artigos e kits pedagógicos. Como parte de seu compromisso social, contribuiu significativamente para iniciar várias organizações e redes não governamentais. Ultimamente dedica-se principalmente a prestar serviços de consultoria socioambiental. A convite da direção da SUPERECO, Moema aceitou fazer parte do conselho diretor da entidade, trazendo para a mesma seu notório saber.

 

Please reload

 
Equipe Supereco

Adelina Pimenta

Nascida em Minas Gerais, criada na cidade grande, mora em Caraguatatuba há 13 anos. Sua maior experiência é ser mãe de 4 filhos lindos e avó de crianças maravilhosas. Adora viver e registrar os momentos entre família e amigos em meio à natureza, com as flores e os animais. Formada em contabilidade, sua maior habilidade é criar e inventar belas artes, dentre elas a boneca Maria Caiçara, representante do artesanato no grupo Ciclos Contínuos dentro do Instituto Supereco, onde ela atua como líder comunitária.

 

 

 

Maria Djanira (Dona Geni)

Conhecida como Dona Geni, nasceu em São José do Barreiro e veio para São Sebastião com 5 anos de idade. Foi a primeira moradora do Morro do Abrigo, casou-se com seu primeiro marido e teve 6 filhos sendo um deles adotivo. Há 12 anos casou-se com o segundo marido Manoel, pescador artesanal, e desde então passou a acompanhar a rotina e os eventos dos pescadores da região. Sua paixão é auxiliar e dar um colinho de mãe para jovens com vulnerabilidade social. Grande mobilizadora, educadora e líder comunitária no Instituto Supereco, representando a pesca no grupo Ciclos Contínuos.

 

 

Jaqueliny Corina Orteney do Nascimento

Nascida no Guarujá, com um mês de idade acompanhou seus pais em uma emocionante aventura pela América Central acompanhando o Circo Romano. Passou a adolescência na Praia Grande litoral sul de São Paulo, é apaixonada pela família, a educação e a natureza, adora sempre aprender algo novo e trabalhar no grupo Ciclos Contínuos. Trabalhou em fábrica de cosméticos, IBGE e atuou como secretária, treinadora de grupo, vendedora e produtora de verduras para merenda escolar e particulares. Iniciou a faculdade de Pedagogia, conheceu seu marido zootecnista Rafael, quando trancou o curso da faculdade e veio morar em um sítio em Caraguatatuba. Pratica a pedagogia da terra, é mãe de três filhas Emily, Serena e Lazuly. Atua no Ciclos Contínuos como representante mobilizadora e articuladora da Comunidade dos Agricultores

 

 

 

Júllia Tedesco

Curiosa e inquieta, Júllia Tedesco busca transferir tudo o que sua mente criativa a possibilita inventar. Engenheira Ambiental especialista em Gestão de Resíduos Sólidos e com vontade de ir além dos tradicionais projetos técnicos ambientais, se tornou ao longo da sua trajetória uma ecodesigner que preza pela produção de ponta a ponta e empregando o conceito Upcycling, se tornando pioneira nas produções desse ramo no estado do Espírito Santo e fundando em 2013 uma marca de bolsas upcycle que leva o seu nome. Prestes a finalizar sua pós em Docência em Educação Ambiental para Cidadania e Sustentabilidade, é pesquisadora na área da Economia Circular e fomentadora dessa e das economias Colaborativa e Criativa, desenvolvendo o projeto 3C, que é um negócio de impacto que busca soluções em resíduos a partir da geração de ecoprodutos para comunidades de demandas.

Anita Pereira Amaral

Amante da natureza, das pessoas e da vida. Mãe de dois filhos, assistente social com especialização em Saúde Publica e Ecoturismo, e Interpretação Ambiental. Seis anos de atuação como docente em cursos de Pós Graduação em educação ambiental, 30 anos de atuação em saúde coletiva, moderadora e facilitadora em cursos e oficinas de educação socioambiental com comunidades, monitora em projetos sociais com jovens na área ambiental e saúde. No Instituto Supereco atua como Coordenadora de educadora ambiental da equipe de implementação do Programa de Educação Ambiental no Projeto Tecendo as Águas

 

 

Pedro Fernando do Rego

Biólogo que busca vida a partir da vida, deslumbrado por todas as suas formas e pelos ambientes em que estão inseridas. Paulistano de origem, formado no Mackenzie, mas sempre teve suas raízes atreladas ao litoral e à floresta. Pela consultoria ambiental teve a oportunidade de conhecer muitos lugares pelo Brasil, bem como entender suas relações ecológicas, sociais e culturais que fazem com que esses ambientes se preservem ou sofram mudanças, acreditando sempre que é nas relações entre as pessoas e sua paisagem que podemos mudar ou manter o nosso ambiente sustentável. É membro do Educa Brasil por onde fomenta articulações no Litoral Norte de São Paulo, incluindo a parceria com o Supereco, e presta serviço para o Instituto dentro do Projeto Tecendo as Águas.

 

Joyce Santana

Mãe, 35 anos, caiçara, apaixonada por tudo relacionado ao mar e à natureza.

Formação técnica em administração pela ETEC e técnica em Aquicultura (cultivo de organismos aquáticos) pelo IFSP. Atuou na área administrativa de projetos sociais e empresas privadas do ramo náutico. No Instituto Supereco contribui com a organização administrativa e aprende muito sobre o meio ambiente.

 

 

Amanda Simonetti

Nascida e criada na cidade de São Paulo, mora há oito anos em São Sebastião. Conheceu a riqueza do povo e da cultura popular brasileira no litoral, e é uma das fundadoras do grupo de maracatu de baque virado de São Sebastião. Mãe de um menino iluminado pelo sol e cheio de energia com apenas três anos de idade. Amante da grandiosa natureza, de sua diversidade e de suas inter-relações da vida, formou-se em Ciências Biológicas em 2016. Fez estágio no Laboratório de Florestas Tropicais - USP e no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), agora atuando no Projeto Tecendo as Águas -etapa II, inserida no grupo do Ciclos Contínuos, na vertente de meio ambiente.

 

 

Luciana Mota

Nascida em São Paulo Capital, mas sua paixão por remar, pela praia, natureza e cultura caiçara e sempre a levou residir em algumas cidades à beira-mar. Atualmente reside em São Sebastião, atuando como educadora ambiental no Projeto Tecendo as Águas – fase 2. Uma das suas frentes de atuação é junto aos pescadores e no combate ao lixo marinho e redução do uso de plástico na Campanha “O Mar não está para Lixo”.

Formada como Bacharel em Turismo com ênfase em ecoturismo e também em Gestão Ambiental, ambos pela PUC-SP, trabalha há 11 anos na área ambiental com projetos e políticas públicas na área de unidades de conservação, poluição marinha, licenciamento ambiental e desenvolvimento de projetos ambientais.

Vagner Pereira Gonçalves

Sebastianense, 28 anos, bacharel em turismo (turismólogo) pela Faculdade São Sebastião, especialista em Pedagogia Empresarial pela Faculdade Campos Elíseos, especializado em Educação Ambiental e Docência do Ensino Superior pela Faculdade Campos Elíseos, monitor de turismo e guia de Birdwatching pelo Senac. Lecionou o curso de Turismo Cultural pelo SENAC de São José dos Campos/SP e atualmente é integrante da ABBTUR-SP (Associação Brasileira de Bacharéis de Turismo Seccional de São Paulo). É um apaixonado por viagens, cultura, gastronomia, natureza e idiomas. Já atuou no setor público na Secretaria de Turismo Municipal de São Sebastião, no setor privado dentro da hotelaria e em navios de cruzeiros como ex-tripulante viajando por 30 países entre Caribe, América do Sul, África e Europa. Além de ter participado do Projeto Tecendo as Águas na sua primeira fase especialmente com o Roteiro Caminho das Águas, nesta segunda fase do projeto está à frente da mobilização dentro do Roteiro Caminho das Águas.

 

 

Edson Carlos Paes (Carlinhos Paes)

Apaixonado pela vida, pela família e pelo Litoral Norte.

Radialista desde 1989, trabalhou na cidade de Sorocaba, São Paulo  e passou por quase todas as emissoras do litoral norte de São Paulo. Atualmente trabalha na Rádio Caragua FM.

O primeiro contato com o Instituto Supereco começou no Projeto “Agua de beber, de comer, de usar e conservar, ciclos contínuos” onde atuou junto à equipe de educomunicação. Participou também do  Projeto Tecendo as Águas em sua primeira fase e nesta segunda fase atua como um dos facilitadores do processo na oficina de educomunicação.

 

Cintia Balazs

Nascida em São Paulo e criada em São Sebastião, é filha, irmã e tia apaixonada pela família. Ama livros, seriados e praia. Gosta de viajar e estar com a família e amigos. Técnica em Marketing e estudante de Publicidade e Propaganda, já trabalhou em diversas áreas desde atendente de telemarketing a restaurantes. Estagiária e paneleira no Ateliê de Cerâmica do São Francisco. Faz parte do grupo Ciclos Contínuos trabalhando diretamente com os jovens na Educomunicação e dando apoio na área de comunicação do Instituto Supereco.

 

 

 

Patricia Tiemi

Descendente de japoneses, mas curiosa pelas diversas culturas existentes nessa mistura brasileira e no mundo afora. Uma gota no mar fluindo nas ondas do autoconhecimento e essência. Ama dançar na água, na terra e no ar, além de degustar os sabores da vida e apreciar os laços que os caminhos nos presenteia. Formada em Gestão Ambiental pela Universidade de São Paulo, curso que ampliou o olhar para o tudo e o todo, influenciando em sua atuação diversa. Iniciou como educadora ambiental, foi voluntária social no Teto, fez curso de Narrativas Fotográficas, coordenou agentes jovens e trabalhou na área de audiovisual desde publicidades, e materiais institucionais, a oficinas para jovens e produção de curtas e longas metragens. A junção dessas experiências permanece em sua atuação no Instituto Supereco como assistente de comunicação.

 

 

 

 

Carine F. S. Corrêa

Carine Corrêa é publicitária e jornalista. Filha e neta de caiçaras, ouviu sua intuição e retornou para terra marcada pela água salgada buscando seguir um caminho mais alinhado com a vibração do seu coração. Passou por redações de Jornais e Agências de Publicidade e Propaganda no interior paulista. Atualmente cursa sua segunda graduação em Gestão Empresarial na FATEC, em São Sebastião/SP. Acredita que a mudança interior reflete na exterior, e por isso a necessidade da humanidade despertar a consciência. Integra a equipe de Comunicação do Instituto Supereco.

 

Please reload

 
Colaboradores

Monica Osorio Simons

Nascida na Argentina e irremediavelmente cativada pelo Brasil, acredita na essência de luz das pessoas e na possibilidade de elas fazerem a diferença quando sensibilizadas e motivadas. Apaixonada por Gaia e pela vida em todas as suas formas de expressão, é Medica Veterinária, Bióloga e Mestre em Educação. Trabalha com Educação Ambiental desde 1980, acreditando nela como ferramenta de resgate socioambiental e transformação para práticas de sustentabilidade. Fundadora e diretora do CEAG - Centro de Educação Ambiental de Guarulhos, empresa de Consultoria em Educação Ambiental, com atividades em âmbito nacional e internacional desde 1995. É parceira do Instituto Supereco há mais de 20 anos.    

 

Samuel Leocádio da Costa

Artista visual, articulador social e ativista para sensibilização urbana em workshop de intervenções ativista, e introdução lúdica aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da agenda 2030 da ONU. Bacharel em Gravura pela Escola de Belas Artes do Paraná, com especialização em temas em estética no conceito do belo pela Belas Artes de Lisboa, Portugal. Idealizador do Projeto Gotas do Consumo  e painel Micro Lixo com artes visuais de impacto urbano sistêmico.

Please reload

supereco@supereco.org.br

Tel. (12) 3862-0100

LITORAL NORTE

Av. Maria Cristiano, 72 - São Francisco

São Sebastião - SP

CEP 11629-263

SÃO PAULO

Av. Eng. Luís Carlos Berrini, 550 cj 112

São Paulo - SP

CEP 04571-000

Este site foi desenvolvido com o patrocínio da Petrobras por meio do Programa Petrobras SocioAmbiental